Sair de casa com o bebê para uma viagem pode ser desafiador para as famílias. São tantos itens para levar que, em muitos casos, fica difícil saber por onde começar a arrumação. É importante garantir conforto e segurança para a criança, além de praticidade para os pais. Por isso,  nós vamos oferecer algumas dicas que podem tornar o passeio muito mais tranquilo, confira abaixo 5 dicas sobre o assunto: 1) Planeje com antecedência a viagem: É importantíssimo que os pais se programem antes de pegar a estrada. Os bebês tendem a ter uma rotina, que precisa ser levada em consideração. Os adultos podem começar planejando quantos dias ficarão fora de casa. Fazer uma listinha com tudo o que será necessário transportar, pode ser uma boa tática.  2) Fuja do calor excessivo: Para viajar, prefira estações como primavera ou outono, e lembre-se que é mais recomendável que os pequenos viajem apenas depois de completarem 10 dias de vida.  3) Atenção aos equipamentos de segurança: Verifique se a cadeirinha ou bebê conforto estão instalados de forma correta, e não se esqueça do sinto, que é fundamental para proteção. Desse modo, o bebê pode viajar com mais segurança, e os pais despreocupados.  4) Brinquedos não podem faltar: Toda criança possui um brinquedo preferido, e isso começa desde a primeira infância. Veja qual seu filho (a) gosta mais e não se esqueça de por ele ao lado do banco. A criança pode ficar mais contente, e se divertir quando chegar ao destino. 5) Faça uma parada: Se estive...
O primeiro dia de aula é uma data muito esperada pelas famílias. Muitas crianças ficam ansiosas e, cada uma delas reage de maneira diferente nesse momento. Independente da idade, essa ocasião é importante. Por isso, nós apresentamos algumas dicas que podem ajudar na hora de preparar meninos e meninas para o grande dia. Confira: 1) Converse com a criança O diálogo é essencial, pois contribui para o preparo antes dessa data. Além disso, através da conversa os pequenos podem ficar mais tranquilos e animados para ir à escola; 2) Ajude a arrumar o material Deixe o material escolar pronto antes do primeiro dia. É importante você organizá-lo ao lado da criança, para que ela se sinta estimulada ao estudar; 3) Faça um desenho com o seu filho Você pode incentivá-lo a levar o desenho para a professora. As crianças adoram presentear as pessoas ao redor e isso colabora para um primeiro contato em sala de aula; 4) Separe o lanche preferido A hora do intervalo é um delicioso momento, por isso, para começar o primeiro dia com o pé direito, separe o lanche preferido da criança; 5) Acompanhe seu filho ate a porta Desse modo, ele pode se sentir mais seguro ao entrar em sala de aula, sabendo que você estará ali fora esperando ele. É muito comum algumas crianças chorarem e não se sentirem à vontade na escola, por isso, é importante os pais deixaram a professora conduzir a situação. Com paciência e carinho, os pequenos podem entender a importância em estudar e fazer novos amigos.
O Carnaval é uma ótima oportunidade para reunir a família e curtir de montão os bloquinhos infantis e matinês com as crianças. Para ajudar os papais e mamães que estão buscando inspirações de máscaras para os pequenos usarem na folia, nós da Loja Cuba, reunimos algumas sugestões bem divertidas. INSTRUÇÕES a) Imprima em um papel cartolina, recorte e prenda com um elástico ou barbante b) Imprima em uma folha de sulfite, cole em um papelão, recorte e prenda com um elástico ou barbante Capitão América Faça o download aqui Homem-Aranha Faça o download aqui Malvadinho Faça o download aqui Frankstein Faça o download aqui Gatinha Faça o download aqui Múmia Faça o download aqui Herói Faça o download aqui Agora que você escolheu a máscara é só se preparar para curtir o Carnaval ao lado das crianças.  Para mais dicas e novidades continue acompanhando o nosso blog  
Desde a infância, o contato com a terra é muito importante. Através dessa atividade, crianças podem adquirir diferentes aprendizados. Entre eles, o respeito pela natureza. Montar uma horta em casa é uma maneira simples e muito gostosa de inserir os pequenos nesse universo. Se na sua casa há quintal de terra, a família pode plantar direto do solo. Caso os pais morem em apartamento, garrafas pet ou vasos são boas opções. Como sugestão, recomendamos que vocês tentem alimentos como cebolinha, alecrim, manjericão ou hortelã, pois as raízes são curtas e, portanto, são mais fáceis de cuidar. Vamos começar: Itens necessários: Terra Orgânica Adubo Mudas ou Sementes Pá de Jardim Regador Garrafas Pet ou Vasos Vegetais de sua escolha Passo 1: Caso a horta seja em recipientes, coloque uma camada de terra no fundo. Não esqueça de verificar se nele há furinhos, para a água escorrer e não encharcar a planta. Passo 2: Coloque um pouco de adubo sobre a terra e, na sequência, a semente ou a muda. Passo 3: Não se esqueça de regar uma vez por dia e deixar a planta num lugar iluminado. Quando os alimentos crescerem, ao lado do seu filho, você pode lavá-los e inserir nas refeições. Sendo também um modo de incentivo para ingestão de alimentos saudáveis, a criança aprende, inclusive, sobre paciência, pois precisa esperar os vegetais da horta se desenvolverem. E você? Tem ou já fez alguma horta em casa?
Muitos de nós, adultos, crescemos com uma série de exigências por parte de nossos pais. Isso envolveu, inclusive, bons modos nos horários das refeições. Por isso, é importante ensinar boas maneiras desde cedo para as crianças, já que esses comportamentos são carregados por toda a vida. Acompanhe abaixo 5 dicas que podem ajudar na hora de orientar os pequenos no cotidiano: 1) Não mastigue de boca aberta Sendo o principal item de etiqueta, você pode começar a ensinar por esse tópico, seja no almoço, jantar ou mesmo na hora do lanche. 2) Peça licença Sempre que o adulto for levantar da mesa, peça licença. Essa atitude pode servir de exemplo para a criança e, junto com a orientação, os pequenos podem adquirir um novo bom comportamento. 3) Não bata os talheres Bater constantemente os talheres no prato, além de proporcionar um enorme barulho, pode ser desagradável. Seja para meninos ou meninas, comer de forma calma e tranquila é sempre o melhor caminho. 4) Cotovelos fora da mesa Apoiar os cotovelos sobre a mesa não é aconselhável. Ensine o seu filho a deixá-los para fora. 5) Trocando os pratos Quando a criança atingir uma idade maior que 4 anos, comece a trocar o prato raso, pelo fundo. Isso pode ajudar na hora de ter bons modos a mesa, treinando para o alimento não cair no chão. Vale lembrar que todas essas dicas devem ser direcionadas para meninos e meninas a partir dos 5 anos, fase em que a criança compreende de melhor maneira a comunicação verbal entre os pais. > LER MAIS...
Fechar