Quando a criança berra, bate o pé e argumenta com o adulto no momento de ouvir um “não”, ela pode ter entrado num processo de dificuldade de aceitação quando seu desejo não é atendido. Nós sabemos que, em muitos casos, fica difícil para os pais negarem o pedido do filho. Porém, satisfazer todas as vontades pode gerar um comportamento nada agradável no futuro. A psicóloga Bárbara Fernandes explica sobre como não devemos mimar nossos filhos, mas sim, orientá-los com amor e, principalmente, com limites.  Confira a seguir: 1) Existem vários fatores que levam a criança a ser mimada, você pode citar alguns deles? Como você definira o comportamento de uma criança com essa característica? A terminologia “criança mimada” pode ser compreendida como um conjunto de atitudes e comportamentos em que a criança se torna intolerante a outras vontades que não sejam as próprias. A palavra “birra” é usada para se referir a estes comportamentos que incomodam. Isso acontece porque as crianças ainda não têm maturidade suficiente para lidar com noções as frustrações que as incubem. Se a criança tem dificuldades em lidar com limites, pode desenvolver um padrão de comportamento em que escolhe fazer apenas o que gosta, passando a agir de maneira intolerante, o que reflete sua dificuldade em lidar com imposições e incorporação de regras. Mimar uma criança pode ser muito prejudicial para o seu desenvolvimento. 2) Por que alguns pais possuem dificuldade em dizer “não” aos filhos? A dificul...
Fechar