Origem do Pantera Negra

Conhecido como o primeiro super-herói negro do mundo, o Pantera Negra tem um legado como ícone cultural. Ele alavancou muitos personagens negros depois de sua aparição, como: Falcão, Luke Cage e John Stewart, que conquistaram seus próprios legados em histórias muito populares na atualidade.

Antes do Pantera Negra, os personagens negros nos quadrinhos pareciam resignados a ficar em segundo planos, jamais figurando como protagonistas. Isso é claro, com exceção de Waku, o Príncipe de Bantu. Sendo um excepcional guerreiro, ele foi criado em 1954 na falecida Atlas Comics com o pistoleiro Lobo, um habilidoso atirador que enfrentava bandidos no velho-Oeste. Ambos não tinham superpoderes, apenas uma forte convicção dos seus ideais heroicos.

Basicamente, o Pantera Negra é um “Capitão América negro”, e assim como Steve Rogers, ele é a personificação dos ideais de um povo. Os Wakandanos vivem acreditando em sua força. Desse modo, o Pantera surgiu com a concretização do potencial dessa pátria que nunca foi conquistada. E essa independência do povo de Wakanda, somada a sua alta tecnologia, deve ser irritante para os países conquistadores do novo mundo.

Wakanda foi criada no meio da África, um paraíso tecnológico e ecológico, que comparado ao resto do mundo, parece primitiva. Sendo um lugar que não pode ser comprado, já que ninguém nunca os colonizou, muito menos os compraram por algumas somas de dinheiro, é liderado pelo Pantera Negra – um guerreiro que é também o líder religioso, político e militar. Embora esse título de Pantera Negra seja hereditário, o futuro líder deve provar ser merecedor de se tornar o novo Pantera Negra. Sendo obrigatório, ele precisa derrotar o líder atual, ou derrotar os seis guerreiros wakandanos mais habilidosos ao mesmo tempo.

Pantera Negra: Quem É Ele?

Um dos mais conhecidos Panteras Negras, é T’Challa, o príncipe de Wakanda, tendo seu pai assassinado. Com isso, vemos sua primeira aparição nos quadrinhos, na revista Fantastic Four, Vol. 1 #52, em 1966. Sendo criado pelos mestres Stan Lee e Jack Kirby, esse personagem faz muito sucesso. Mesmo Stan Lee negando que o nome dado foi referência a um herói pulp de aventura, que tinha uma pantera negra como ajudante. Muitos ainda acham que o nome do personagem traz referência ao Partido dos Panteras Negras, uma organização política norte-americana altamente ligada ao nacionalismo negro.

Mais sobre a história

T’Challa é o príncipe herdeiro da dinastia Wakanda, que vê seu pai sendo assassinado por Klaw, um holandês. Esse homem queria saquear o metal vibranium, que é encontrado apenas em Wakanda. Entretanto, os planos de Klaw não dão muito certo e T’Challa o mutila, e isso é o bastante para expulsá-lo.

Alguns anos depois, parte para o mundo exterior para se forma em PhD em física pela Universidade de Oxford. Ao voltar para Wakanda, T’Challa derrota seu tio S’yan, o Pantera Negra atual, e se torna o próximo Pantera Negra. De acordo com as tradições de Wakanda, os futuros reis deveriam tomar o chá de uma planta chamada: Erva Coração, encontrada apenas em Wakanda. Desse modo, a criança que sobreviver tem seu espirito ligado ao Deus Pantera, adquirindo poderes como força, velocidade e fator de cura acelerado, além do aumento de seus sentidos.

Pantera Negra: Quem é ele?

Sempre a frente dos seus inimigos como seu pai tinha ensinado, T’Challa viu a onda de super-heróis surgindo como uma possível ameaça a Wakanda. Na sequência, convida o Quarteto Fantástico para visitar seu país. Entretanto, por fim, percebeu que eles eram amigos leais, e o ajudariam no retorno de Klaw. Ele também adotou a identidade do professor Charles Lucas, para quando estivesse na América. Com isso, ele passou a dividir seu tempo entre Wakanda e a América, lutando contra os mais diferentes vilões. O Pantera Negra derrota muitos com sua força e inteligência.

> BRINQUEDOS LICENCIADOS DO PANTERA NEGRA

> LER MAIS ARTIGOS SOBRE O UNIVERSO GEEK

Escrito por: Iolanda Strambek

Primeiramente, não sou desse planeta. Sou uma padawan, e luto todos os dias contra o lado negro da Força. Minha fraqueza é a kryptonita e torço para que o inverno chegue logo. Entre, puxe uma cadeira e aproveite o conteúdo.

1 comentário
  1. Mariana Soto disse:

    Eu não sabia nada sobre o personagem até o ver na Guerra Civil. Eu amei o novo filme completamente. Michael B. Jordan é um ótimo ator. Seus trabalhos sejam impecáveis e sempre conseguem transmitir todas as suas emoções. Ele fará um ótimo trabalho em seu novo projeto. Na minha opinião, Fahrenheit 451 será um dos mehores filmes de drama de este ano.. O ritmo do livro é é bom e consegue nos prender desde o princípio. O filme vai superar minhas expectativas. Além, acho que a sua participação neste filme realmente vai ajudar ao desenvolvimento da história.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar