Transformers – A verdadeira história por trás do sucesso

Assim como muitas empresas de brinquedos faziam e apostavam, a Hasbro decidiu seguir os passos do sucesso comercial de desenhos animados a partir da criação de brinquedos.

Uniu-se com a empresa japonesa Takara para explorar o mundo de duas linhas de brinquedos Microman e Diaclone. Com uma boa marca em mãos e várias ideias surgindo, a Hasbro investiu fortemente na propaganda. Encomendou da Marvel Comics uma história para vender por trás dos brinquedos, e surgiu, então, os Transformers.

Na época, o responsável por criar todo enredo foi Dennis O´Neil. Enquanto isso, Bob Budiansky criou o perfil de todos os personagens. Ao todo foram 80 edições da revista #Transformes de 1984 a 1993. A Hasbro também encomendou uma série de desenhos animados que foram produzidos pela Sunbrow Productions, com a ajuda do desenhista Floro Dery, responsável pelas guias visuais dos quadrinhos na Marvel.

Assim, junto com os brinquedos lançados pela Hasbro, a Marvel surgia com o mais completo mundo para aventuras de Transformers, com desenhos animados e quadrinhos nas bancas.

A historia por trás dos brinquedos

Existem duas cronologias aceitas pela Hasbro, e unir ambas parece difícil, já que as duas se diferenciam muito. Entretanto, a mais correta seria a dos quadrinhos da Marvel, além de ser a mais completa.

Transformers: Primeira versão

Na primeira versão temos uma raça alienígena chamada Quintessons, que usava um planeta desabitado para fabricar seus equipamentos militares. Nisso, a inteligência artificial Vector Sigma cria os Transformers a partir da grande quantidade de insumos disponível no planeta. Depois de anos de rebelião e escravidão, eles se rebelam contra os Quintessons e batizam o planeta de Cybertron, tornando uma raça de robôs dotados de inteligência.

Transformers: Segunda versão

A segunda versão é muito mais complexa e planejada de todo o universo criado para os quadrinhos dos Transformers. Nessa versão, havia um ser Unicron que só conseguia ter paz através da ausência de vida no universo. Dessa maneira, Unicron começou a devorar todos os planetas, e após destruir tudo, ele hibernou. Durante sua hibernação, fragmentos do universo começaram a reagir, dando origem a explosão do Big Bang, nascendo assim o universo que conhecemos.

Junto com essa explosão nasceu também Primus, um guerreiro nascido para derrotar Unicron. Após várias lutas entre os dois, e para tentar proteger o universo, Primus levou a luta para o plano astral. Após novas batalhas, e com uma estratégia em mente, tentou voltar ao plano físico, mas sem muito sucesso, o que levou os dois, sem corpo físico a ficarem presos cada um em um asteroide.

Com o passar das eras, Unicron aprende a dominar a estrutura em que estava preso, transformando-o em um gigante planeta metálico, semelhante ao que era antigamente. Já Primus usou outra estratégia, se transformou em um planeta, chamado Cybertron, e como um deus, criou os Transformes. Depois de derrotar Unicron, os Transformes adquiriam a capacidade de se multiplicar através de um fragmento de Primus.

Transformers

Transformers: Autobots x Decepticons

No planeta Cybertron existem duas raças distintas e parecidas de robôs guerreiros, Autobots e Decepticons, sendo que Autobots eram cientistas e os Decepticons militares. Os Decepticons queriam dominar o planeta e com isso declararam guerra Autobots.  Entretanto, quem ganhou a guerra civil foram os Autobots, que conseguiram se transformar em nova forma. Porém, mais tarde os Decepticons também conseguiram essa habilidade, recomeçando a guerra.

Após muitos séculos de guerra e com o planeta quase destruído, os Autobots enviaram uma nave, chamada Arca, para encontrar novas alternativas de energia. Durante o trajeto a nave dos Decepticons, Nemesis, a intercedeu fazendo com que ambas as naves caíssem na Terra, ainda durante a pré-história.

Transformes na Terra

Os robôs para economizar energia, hibernaram em suas naves até despertar nos anos 80, em um mundo dominado pelos humanos. Para poderem circular pelo planeta discretamente, os sensores das naves lançaram em orbita um satélite que absorveu a tecnologia das maquinas criada pelos humanos e se transformaram nas mesmas.

Enquanto os Autobots simpatizaram com humanos, os Decepticons por outro lado queriam adquirir todos os recursos naturais presentes na Terra. A energia chamada Energon, poderia destruir o planeta, porém os Autobots não permitiriam que isso acontecesse, recomeçando a guerra.

Personagens principais de Transformers

Autobots

Optimus Prime, líder dos Autobots um caminhão estiloso nas cores vermelho e azul. Bumblebee um carro amarelo e pequeno, que colocava medo nos grandões. Brawn e Prowl, um o oposto do outro que estava sempre se desentendendo. O líder dos Dinobots, Grimlock que se transformava em um tiranossauro incrível.

Decepticons

O líder Megatron, um vilão tirano e destruidor. O segundo no comando era Starscream, mentiroso e traiçoeiro. Mesmo depois de ser destruído conseguiu se transformar em tipo de fantasma que possuía maquinas. O mais fantástico dos Decepticons era os Constructicons, cinco robôs de construção que se uniam em uma máquina , chamada Devastador.

Adquira a linha de produtos Transformers

-> Monte sua coleção dos carros e bonecos dos Transformers

Adquira produtos e brinquedos da Hasbro

-> Linha de Brinquedos Hasbro

Escrito por: Iolanda Strambek

Primeiramente, não sou desse planeta. Sou uma padawan, e luto todos os dias contra o lado negro da Força. Minha fraqueza é a kryptonita e torço para que o inverno chegue logo. Entre, puxe uma cadeira e aproveite o conteúdo.

Seja o primeiro a comentar esse post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar